Neymar se desculpa após polêmica da eliminação




Após chegar ao Brasil, nesta terça-feira (14), Neymar se desculpou pelo desabafo que fez nas redes sociais depois da eliminação da seleção brasileira na Copa América Centenário. O jogador disse que ficou chateado com a eliminação e revoltado com as "palavras que ouviu e leu dirigidas aquelas atletas". Neymar ainda atacou a imprensa.

"Há uma minoria que também 'se excede' com o microfone ou a caneta em mãos, mas como disse, é uma minoria", escreveu. No post divulgado no domingo (12), o atacante do Barcelona, que passava férias nos EUA, disse que vai aparecer "um monte de babaca para falar merda, Foda-se. Faz parte, futebol é isso".

Antes de postar a primeira mensagem, Neymar apareceu se divertindo em uma festa na piscina de um hotel em Las Vegas, no Estado norte-americano de Nevada.

Neymar ficou fora da Copa América Centenário após um acordo entre a CBF e o Barcelona, que optou por liberá-lo para disputar apenas os Jogos Olímpicos.Abaixo, a íntegra da nova publicação de Neymar:

"Meus cinco minutos no Brasil foram suficientes para perceber que meu post/desabafo no Instagram tinha tido uma repercussão negativa, gigante por aqui. O que ouvi das pessoas que me receberam no aeroporto foi que eu 'me excedi'... Admito... Sim, eu 'me excedi. Pedir desculpas a todos os que se sentiram ofendidos é o mínimo que posso fazer".

Os internautas comentaram o assunto. "Neymar, você e os outros jogadores sabiam da falta de experiência de Dunga. Todos sabemos que ele não tem preparo algum pra treinar uma seleção, além de ser arrogante. E há uma verdade também, que os jogadores da seleção não tinham qualquer afinidade com o técnico e que também queriam uma mudança na comissão. Agora sobre o seu post: em vez de ficar dançando de cueca e bebendo vinho, você deveria se esforçar pra defender o país, como que alguém não vai criticar o principal jogador que nas horas que mais precisamos ta curtindo e tirando self. mais dedicação Neymar!", "Dunga tá longe de ser o principal problema da seleção! O que ele tinha à disposição é isso que nós vimos. Jogadores mais ou menos. Fracos, sem raça, sem amor pela camisa. Espero que depois da saída dele, melhore alguma coisa, mas duvido muito! Enquanto os jogadores que tivermos for esses que só se importam com o salário, com suas mansões na Europa, farra, bebida e mulher. Fica difícil!".

(Com informações da Folhapress)
Share on Google Plus

About Santarém-PA

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.